Dica de leitura: Eu um servo? Você está brincando!

Se você quer a indicação de um livro que vai colocar em cheque quem você é como cristão, é esse. Se você é algum tipo de líder em alguma comunidade cristã, você é obrigado a ler! Quando a gente lê, percebe que a padronização do cristianismo atual não tem nada ou quase nada a ver com a forma que Jesus viveu.

eu servo?

Pra não ter que falar mais nada sobre ele, até porque, ainda estou em choque rs, vou colocar aqui algumas citações do autor:

“Qualquer pessoa que começar a encarar seriamente esta questão de servir aos outros, não demora muito, terá de tomar uma decisão sobre perdoar aos outros também. E o termo é este, terá. Como disse, este é um pré-requisito básico do “curso” de serviço autêntico. E como isso isso é algo que ocorre com muita frequência, acho necessário subdividir mais o assunto para enxergarmos melhor as suas partes.

Quando um erro é cometido contra alguém, existem apenas dois lados para a questão: o do ofensor ou a vítima da ofensa. Mas quer sejamos o ofensor ou a vítima da ofensa, a iniciativa deve sempre partir de nós. O verdadeiro servo não guarda rancor.

(página 63)

“O servo tem que ser uma ‘grande pessoa’, e o suficientemente grande para continuar lembrando o bem e esquecendo o mal.”

(página 75)

“Minha maior preocupação é com o abuso do poder, a excessiva ênfase à obediência a um líder humano, com uma intensa e doentia forma de associação, que se utiliza da intimidação, do medo e do senso de culpa, para promover o autoritarismo. Para pessoas fracas e de espírito brando podem tornar-se presas desses messias auto-nomeados e paranoicos, o que, para elas, resultará não em crescimento espiritual, mas em exploração e perda da dignidade humana.”

(página 90)

” Da mesma forma os discípulos são chamados para serem uma espécie de desinfetante moral, para um mundo cujos padrões morais são baixos, estão constantemente mudando ou não existem”

(página 143)

Eu, particularmente, prefiro muiiito mais ler livro, livro mesmo. Ali, no papel, que eu possa rabiscar, dobrar a página, que é preciso uma luz acessa. Não sei, pra mim é melhor. Aquilo que eu grafei fica fotografado na minha memória. Esse livro, no caso, deverá ser livro mais umas 2 vezes rs…pra que a ficha caia!

#ficadica pra você que está procurando uma próxima leitura!

bjos

Anúncios

Sobre Mari Veiga

Oi! Tenho 27 anos, sou pastora evangélica, Bacharel em Teologia pelo Seminário Teológico Carisma e pela Faculdade Unida. Também sou teacher! Dou aulas de inglês e amo fazer isso! Sou casada com um cara charmosíssimo e, juntos, somos discípulos de Jesus. Moro em Palmas, no Tocantins. Se quiser falar comigo, mande e-mail para mariannaveiga@hotmail.com
Esse post foi publicado em Eu e Deus. Bookmark o link permanente.

O que você pensa sobre isto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s